Estatuto da Diversidade Sexual


Você já faz parte deste ato de cidadania?

Assine a petição pública do Estatuto da Diversidade Sexual: http://bit.ly/IYDpuG

terça-feira, 30 de abril de 2013

ESTATUTO DA DIVERSIDADE SEXUAL - Participe dessa Ideia!



Mais do que tardia torna-se a aprovação de lei  que assegure os direitos à população LGBT . Apesar do importante avanço pelo STF  do reconhecimento das uniões homoafetivas como entidades familiares, faz-se necessário ainda proteger e o quanto antes, todos os demais direitos desses cidadãos. O Anteprojeto do Estatuto da Diversidade Sexual, sendo aprovado, terá como destaque: a criminalização da homofobia e a adoção de políticas públicas para coibir a discriminação. Também consagrará princípios, regras de direito de família, sucessório e previdenciário. Apontará políticas públicas a serem adotadas nas esferas federal, estadual e municipal, além de propor nova redação dos dispositivos da legislação infraconstitucional que precisam ser alterados O projeto, de iniciativa popular,  foi a maneira encontrada pela  sociedade de reivindicar tratamento igualitário a todos os cidadãos, independente de sua orientação sexual ou identidade de gênero. O respeito à diferença é a essência da democracia.

Para saber a íntegra desse importantíssimo Anteprojeto acesse: Estatuto da Diversidade Sexual.

Enquanto o anteprojeto não se tornar definitivo, a população poderá  enviar suas críticas, sugestões e  propostas  para o e-mail: estatutods@mbdias.com.br.

Participe dessa idéia! Assine a petição pública do Estatuto da Diversidade Sexual, acessando o link: http://bit.ly/IYDpuG.

Fonte: http://www.direitoslgbt.com/2013/04/estatuto-da-diversidade-sexual.html

sexta-feira, 26 de abril de 2013

Criado em Canela o 1º Núcleo da Diversidade Sexual do interior


Canela  - Um assunto que está em voga no país é o dos direitos dos homossexuais. E, e um momento importante de discussão sobre o tema, Canela passa ter o primeiro Núcleo da Diversidade Sexual da OAB, do interior do Rio Grande do Sul. O núcleo está sediado no campus da UCS Canela e foi implantado no sábado, durante o seminário.

A criação se deve em parte ao forte trabalho da Dra. Maria Berenice Dias, que há 12 anos trabalha na luta pelos direitos LGBT. "Apesar dos preconceitos, e da resistência do Legislativo em editar leis que reconheçam os direitos desta parcela da sociedade, quem realmente vem reconhecendo estes direitos é o Judiciário, através do trabalho dos advogados", destacou a Dra. Berenice.

A OAB elaborou o Estatuto da Diversidade Sexual e realiza uma iniciativa colhendo assinaturas em uma petição pública, mobilizando a população pelos direitos homoafetivos. A assinatura virtual pode ser feita pelo site www.estatutodiversidadesexual.com.br, quem preferir pode assinar a petição na UCS Canela.

"Esta não é uma luta só dos homossexuais, é uma luta de toda a sociedade pelos direitos do cidadão", reforça a doutora que já sentiu na pele o que é o preconceito. Ela conta que foi a primeira mulher na magistratura do Rio Grande do Sul, foi juíza por 35 anos e sofreu preconceito. Este é um exemplo que ela dá para alicerçar sua luta pelos direitos homoafetivos. Uma das ferramentas que serve como informação e prestação de serviço é o site www.direitohomoafetivo.com.br.

Fonte: http://www.jornaldegramado.com.br/canela/449530/criado-em-canela-o-1-nucleo-da-diversidade-sexual-do-interior.html

segunda-feira, 8 de abril de 2013

3º Ato - Fora Pastor Marco Feliciano da CDHM


Essa foi apenas uma das muitas manifestações que estão pipocando por todo o país. Foi no dia 07 de abril e teve a presença da Maria Berenice Dias, desembargadora aposentada e advogada, e também membro emérito da LiHS.


Esteve presente a Jéssika Andras, membro da LiHS.
E também Luis Eduardo Uepcoski D'Moura.
Durante o evento também se recolheu assinaturas para o Estatuto da Diversidade Sexual.
Nos reunímos o lado do Arco da Redenção (Monumento em homenagem ao Expedicionário). À esquerda está Matheus de Lima Pereira, e à direita Mauro Paim, cada um segurando cartazes.

Várias pessoas se manifestaram falando ao megafone, explicando os seus motivos e a razão do manifesto.
E além de tudo, foi divertido!




Fonte: http://ateiadebomhumor.ligahumanista.org/2013/04/3-ato-fora-pastor-marco-feliciano-da.html